Linfedema

O tratamento fisioterapêutico para o Linfedema é dividido em dois momentos, o primeiro, tem frequência do tratamento mais intensa, podendo ser diária ou em dias alternados, buscando diminuir o volume do braço ou mão.

O enfaixamento compressivo deve ser feito com material adequado através de ataduras de curta extensibilidade em multicamadas, sendo que a pressão deve ser mantida constante.

Na segunda fase, deve utilizar compressão elástica apropriada (meia ou braçadeira), manter os cuidados com a pele e os exercícios. Os exercícios melhoram o efeito da terapia compressiva, deslocando a linfa ao longo do membro em locais com circulação linfáticas mais sadia, diminuindo da sensação do peso do braço.

O ideal é que a carga do exercício, seja prescrita com evolução de forma lenta e progressiva.

Todos os cuidados com a pele se mantêm!!

Compartilhar