Skip to main content
search
2° Simpósio Câncer de Mama Brasil.

Inscreva-se para liberar o conteúdo

Este conteúdo é exclusivo para médicos. Inscreva-se para ter acesso ao conteúdo.

Loading...

Caso clínico: paciente de 37 anos, com mutação patogênica em BRCA-1, estágio clínico anatômico II-B (T2N1), triplo negativo, Grau III e com Ki 60%.

Coordenador: Francisco Pimentel (CE)
Moderador: Felipe Zerwes (RS)
Debatedores: Jorge Leal (BA) e Fernando Obst (RS)

Qual o melhor esquema na neoadjuvância, considerando as drogas emergentes?
Antônio Buzaid (SP)

Podemos substituir a dissecção axilar por radioterapia no linfonodo sentinela positivo após quimioterapia?
Andrea Barrio (EUA)

Em caso de ausência de pCR, qual o padrão ouro em 2021, de tratamento adjuvante, considerando as novas drogas?
Romualdo Barroso (DF)

Manejo dos subtipos especiais triplo negativos (apocrino, metaplasico, adenoide cístico e medular) deve ser igual?
Sérgio Simon (SP)

Portal Câncer de Mama Brasil

Portal Câncer de Mama Brasil

Dr. Eduardo Millen • Rio de Janeiro/RJ – CRM-RJ: 5263960-5
Dr. Felipe Zerwes • Porto Alegre/RS – CRM-RS: 19.262
Dr. Francisco Pimentel Cavalcante • Fortaleza/CE – CRM-CE: 7.765
Dr. Guilherme Novita • São Paulo/SP – CRM-SP: 97.408
Dr. Hélio Rubens de Oliveira Filho • Curitiba/PR – CRM-PR: 20.748
Dr. João Henrique Penna Reis • Belo Horizonte/MG – CRM-MG: 24.791

Close Menu