Skip to main content
search

A Testosterona é um hormônio esteroide, presente em pequena quantidade nas mulheres, sendo predominante nos homens, partilhando semelhante estrutura química, a partir da molécula de colesterol. Através de uma enzima, denominada aromatase, existe conversão de Testosterona em Estradiol.

Cerca de 70% dos tumores conhecidos, apresentam receptores para as moléculas de estrogênio e progesterona, e o pilar de seu tratamento é o bloqueio destes hormônios. Existe um pequeno grupo de tumores, que apresentam receptores diretos para androgênios (testosterona).

Não existem estudos seguros sobre sua utilização e segurança sobre os riscos de aumentar as chances de que a usa desenvolver câncer de mama.

Apesar da falta de evidência de que aumente o risco para câncer de mama, existe comprovadamente aumento do risco de fenômenos embólicos como trombose venosa, aumento do risco de infarto e outras doenças vasculares com uso de testosterona, não sendo seu uso aconselhado pela sociedade brasileira de endocrinologia.

Portal Câncer de Mama Brasil

Portal Câncer de Mama Brasil

Dr. Eduardo Millen • Rio de Janeiro/RJ – CRM-RJ: 5263960-5
Dr. Felipe Zerwes • Porto Alegre/RS – CRM-RS: 19.262
Dr. Francisco Pimentel Cavalcante • Fortaleza/CE – CRM-CE: 7.765
Dr. Guilherme Novita • São Paulo/SP – CRM-SP: 97.408
Dr. Hélio Rubens de Oliveira Filho • Curitiba/PR – CRM-PR: 20.748
Dr. João Henrique Penna Reis • Belo Horizonte/MG – CRM-MG: 24.791

Close Menu